Publicada em: 14 de setembro de 2017

Recuperação do mercado anima para negócios na Temporada de Primavera

Apesar da turbulência que atingiu o setor pecuário brasileiro nos últimos meses com as reviravoltas políticas e econômicas que movimentaram a cadeia produtiva da carne, a estimativa é de retomada de um cenário positivo para a Temporada de Primavera da Pecuária Gaúcha, que já começa com seus leilões nesta segunda quinzena de setembro. Analistas de mercado informam que a arroba do boi no Brasil Central já ultrapassou a faixa dos R$ 150 no início de setembro depois de registrar queda ao longo do ano, o que anima os pecuaristas gaúchos, já que o centro do país é um público alvo importante nas vendas neste período

Conforme o leiloeiro rural e diretor da Trajano Silva Remates, Marcelo Silva, os leilões que estão ocorrendo em outros Estados brasileiros já registram alta de preços. Mesmo durante a Expointer, apesar da queda no faturamento nos números de comercialização de animais, as médias registradas ultrapassaram as perspectivas nos negócios. “Os leilões estão com médias que vêm surpreendendo, com touros a valores que chegam a R$ 17 mil, assim como tivemos registro de venda de cota de 50% de touro em eventos fora do Estado que chegaram a valer R$ 75 mil”, destaca.

Para Silva, mesmo com a tendência de recuperação, ainda é necessário manter a cautela em relação aos negócios que deverão ser realizados na Temporada de Primavera. O diretor da Trajano Silva Remates salienta que até o momento, os resultados estão se mostrando completamente acima das melhores contas feitas para o período. “Nenhum momento nos últimos 90 dias pensamos nos números que vêm sendo praticados, mas ainda continuamos cautelosos com expectativa de médias de touros a R$ 9 mil”, ressalta.

A Trajano Silva Remates será responsável por sete leilões durante a temporada, iniciando no dia 24 de setembro pelo tradicional remate da GAP Genética, a partir das 10h, em Uruguaiana (RS). No dia 29 de setembro é a vez do Leilão Especial de Produção Espinilho e Reconquista, às 14h, em Esteio (RS). No dia 1º de outubro, às 20h em São Gabriel (RS) acontece o Leilão Santa Maria. Já no dia 9 de outubro ocorre o Leilão São Jorge & Rio Negro, às 16h em Bagé (RS). No dia 17 de outubro mais um tradicional remate com o 53º Leilão Bela Vista em Santana do Livramento (RS) às 18h. No dia seguinte, 18 de outubro, novamente em Bagé, com o Leilão Capanegra às 14h. Fechando a agenda, em Uruguaiana, ocorre o Leilão Anual Braford Aurora & Sossego, dia 20 de outubro às 20h.

Divulgação/Foto: Trajano Silva Remates