Publicada em: 14 de agosto de 2017

Mercado aquecido na pecuária projeta clima positivo para a Expointer

O reaquecimento do mercado agropecuário no país mesmo em um período de turbulência política está animando os vendedores de animais para a Expointer deste ano. Esta é a avaliação do leiloeiro e diretor da Trajano Silva Remates, Marcelo Silva. O escritório será responsável por cinco dos sete leilões da raça Crioula previstos para a feira, que ocorre no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS).

Conforme Silva, o boi gordo vem tendo uma melhora de preços apesar dos fatos envolvendo o setor nos últimos tempos, o que também dá um termômetro para a temporada de primavera da pecuária gaúcha. “Isto vai nos dar um alento nos eventos de bovinos na primavera. Fizemos negócios diretos nos últimos dias com valores expressivos e há uma preocupação com os preços na primavera que podem subir demais, mesmo com a certeza que os valores podem ser igual ou piores do que no ano passado”, projeta.

A Trajano Silva Remates será responsável pelos leilões da Estância Vendramin no dia 24 de agosto, das Cabanhas Santa Angélica e Maufer no dia 26 de agosto, da Reconquista Agropecuária no dia 27 de agosto – este também com venda de bovinos da raça Angus – , da Cabanha Boa Vista no dia 28 de agosto e do leilão de Liquidação da Cabanha RV, no dia 29 de agosto. A qualidade de oferta, de acordo com Silva, também será um diferencial nas vendas deste ano. “Os nossos cinco leilões que faremos durante a Expointer se constituem em uma qualidade um pouco diferente pela característica de cada um”, destaca.

A boa expectativa também ocorre pelos números do primeiro semestre de 2017, de resultados positivos na comercialização de Cavalos Crioulos. Em 21 leilões realizados de janeiro a junho deste ano, o faturamento foi de R$ 23,84 milhões na venda de 820 animais, alta de 79,15% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram alcançados R$ 13,3 milhões em 20 remates comandados pelo escritório, com 752 exemplares comercializados.

Foto: Giovani Vieira/Divulgação